Assédio moral nas organizações


Ricardo Rohm e Eduardo Lima em UFRJ

📅 JICTAC 2010

Resumo:

O trabalho presente pretende pesquisar os principais significados atribuídos ao termo ‘Assédio Moral’ nas organizações, discorrendo sobre suas definições mais aceitas, sobre quais formas se manifesta e quais os grupos de trabalhadoras e trabalhadores mais atingidos por tal problema. Analisaremos suas raízes psicossociais, ramificações e prejuízos nas organizações e, principalmente, na vida dos empregados em questão. Examinaremos se o assédio moral é um fenômeno generalizado, atingindo a todos de maneira equivalente, ou se existem grupos mais suscetíveis a esse problema, tais como idosos, jovens, mulheres, negros e LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros), a partir da revisão da literatura pertinente, bem como os estudos de casos já tratados no domínio da gestão de recursos humanos. Com um destaque para as implicações aos trabalhadores do segmento LGBT, avaliaremos os prin-cipais instrumentos utilizados pelas organizações para combater o assédio moral e os marcos legais acerca do assunto.


Compartilhar


Inspiração para o comentário:
Lembre-se de que você veio aqui, porque compreendeu a necessidade de lutar contra si mesmo. Agradeça, portanto, a quem lhe proporcione a ocasião para isso.
Gurdjieff
Você pode alterar sua foto de perfil no Gravatar ou fazer login.

Deixe um comentário